Nova bomba magnética da KSB para aplicações industriais

Recentemente a KSB apresentou a última geração da sua bomba de acoplamento magnético, o modelo Magnochem. Este modelo, em conformidade com as normas químicas, ISO 2858/EN 22 858/ISO 5199, está agora disponível em mais tamanhos (52), tendo como principal característica a sua elevada potência por tamanho, garantindo assim consumos de energia extremamente baixos.


Tecnologia inovadora

No desenvolvimento desta bomba a KSB deu especial atenção ao design do acoplamento magnético e ao percurso dos sistemas de circulação, arrefecimento e lubrificação, os quais permitem que o operador escolha agora entre quatro modos de funcionamento, desde a simples circulação interna, até complexa configuração fim de linha com sistema hidráulico auxiliar. Eles também permitiram aumentar significativamente a gama de temperaturas de funcionamento, para -90 °C a +300 °C.

Eles permitiram ainda optimizar a nova bomba para fluidos polimerizáveis, coaguláveis, cristalizáveis ou com pontos de ebulição baixos. O invólucro do acoplamento magnético está agora disponível em Hasteloy, Titânio ou óxido de zircónio, em função das exigências do cliente, tendo qualquer destes materiais elevada resistência à corrosão e permeabilidade magnética. KSB-Magnochem image

Eficiência e fiabilidade aumentadas

Só assim podem ser eliminadas as perdas de calor que reduziriam a potência e comprometeriam a eficiência da bomba. Para os magnetos, a KSB seleccionou o samário cobalto, devido às suas excelentes características magnéticas e de resistência à temperatura. As chumaceiras revestidas a diamante garantem capacidades especiais contra a prisão, no caso de falta de lubrificação – uma capacidade que, combinada com a optimização do posicionamento dos rolamentos radiais, permitiu aumentar a fiabilidade operacional da bomba, e consequentemente o tempo médio entre avarias (MTBF), reduzindo os stocks e os custos operacionais.

Para evitar a necessidade de sobredimensionar os acoplamentos magnéticos estão disponíveis acoplamentos de diversos tamanhos, para cada tamanho de bomba. A nova Magnochem tem níveis de vibração muito reduzidos durante o funcionamento, pois todos os rotores das bombas são sujeitos a equilibragem estática e dinâmica, durante o processo de fabrico. Do lado do motor, é possível optar por formas de vedação adicionais, como anéis de vedação do veio, que permitem aumentar o nível de fiabilidade e proteger os rolamentos generosamente dimensionados, bem como o ambiente, da fuga do fluido.

Elevada versatilidade e modularidade

Além da versão convencional, de veio longo e passível de retirar o rotor da tubagem sem retirar o motor e o corpo da bomba, existe também a versão monobloco, disponível em 44 tamanhos, para instalação em locais com espaço reduzido. A Magnochem permite caudais até 1.400 m3/h, a uma altura manométrica de 233 m.c.a.

O sistema modular permite uma imensa combinação de opções, de forma a adaptar a bomba às necessidades de cada cliente, bem como o posterior upgrade, em função das disponibilidades financeiras na fase de investimento inicial.

Caso queira obter mais informações sobre a nova bomba magnética da KSB, contacte-nos pelo e-mail paulo.costa@ksb.com, pelo fax 210 112 333, pelo tel. 210 112 300, ou consulte o nosso catálogo de produtos.

Additional Information
Chemical Industry_coll_marginalLsTn

A KSB tem a química certa

Brochura